Contador de Histórias


Meu primeiro contato com a contação de histórias, assim como de costume foi na infância, com minha família. 
Em 2006, assisti ao show de Bia Bedran, e percebi o encanto das narrativas. Entrei em curso ministrado pelo mestre contador de histórias Fabiano Moraes, em Vitória. Foi uma experiência marvilhosa, guardo as lições até hoje. 
Em 2008, estreamos pelo grupo Ciranda no Arco-Íris o projeto "Faz de Conta, um Conto". Seguindo em uma grande temporada de apresentações em Aracruz e Marilândia. E, ao longo dos dez anos- comemorados em fevereiro de 2018, passamos por Colatina, Marataízes, Santa Maria de Jetibá, Vila Velha e a capital, Vitória. 

Voltando ao passado, em 2008, também ministrei oficinas de formação essencial para um contador de histórias, chamada "Faz de Conta, Um Conto- A Arte de Contar Histórias".
Esta oficina continua na estrada, ela foi realizada em Aracruz, Colatina e Marataízes, por diversas vezes.
Também ministrei, em Aracruz, uma oficina com crianças: "Faz de Conta, um Conto de Fadas" de incentivo à Leitura e escrita. 


Em 2017, o Faz de Conta, um Conto passa a integrar o repertório da AB Produções Artísticas.
E participo de algumas apresentações de "O Quintal de Histórias"  da Vão Brincar! Realizações.

E neste ano, já inicio com o lançamento de um livro artesanal, em comemoração aos 10 anos do Faz de Conta, um Conto. São algumas recordações sobre estre projeto que tanto gosto. O livro é intiulado "Faz de Conta, um Conto - 10 Anos de Histórias".

Vamos seguindo e contando histórias por aí...